Trava-línguas

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Elbarto.gif
Exploding-head.gif

Atenção: as porcarias escritas neste artigo podem prejudicar o seu cérebro!

Cquote1.png Você quis dizer: Otorrinolaringologista Cquote2.png
Google sobre Trava-línguas
Cquote1.png Experimente também: mafagafo Cquote2.png
Sugestão do Google para Trava-línguas
Cquote1.png Trava-línguas tem a ver com a casa estar suja porque o pedro está com o pé preto Cquote2.png
Capitão Óbvio sobre Trava-línguas
Cquote1.png Casa suja, chão shuju Cquote2.png
Você falando um trava línguas
Trava-Línguas, trava-águas, trava-cabeça e trava a beça é nada mais nada menos que um pequeno conjunto de adjuntos adverbiais sem sentido. As palavras são colocadas de uma maneira que queiram causar um travamento na língua, apenas aqueles que têm uma boa dicção conseguem ler (dizer, entender) um trava-língua, mas para isso é preciso ler de montão, algo que não está na vida cotidiana de um brasileiro, diferente de qualquer estrangeiro.

Composição[editar]

Como um trava-línguas parece a primeira vista.

Um trava-língua é apenas um sentença/frase onde contém palavras muito parecidas que ao lidas pegam qualquer sequer com uma pessoa desprovida de leitura em voz alta. Ela é composta por muitos sistemas de linguagens difíceis que existem em uma tal língua, como por exemplo: o uso de palavras longas e impronunciáveis, além das desconhecidas pelos leigos, outros sistemas são palavras parecidas, as que rimam, as que irritam e combinam, mais a redundância excessiva de informações e a complexidade em entender o que quer dizer, como esse texto, por exemplo.

Substantivos e seus adjuntivos é o que fazem um trava-línguas explodir a sua cabeça, primeiro como num roteiro é preciso de ideias de palavras parecidas, passo a passo a pessoa vai possuir um poema perfeitamente pronto para pronunciar (ou não). Use letras como X, S, P, F e R, e não esqueça dos dígrafos como no trava-língua: Cozinheiro cochichou que havia cozido chuchu chocho num tacho sujo.

Os Trava-línguas[editar]

Mafagafo mafagafando sua vitória na mafagafolândia.

Através do diversos trava-tudo, elas normalmente contam histórias surreais de coisas que ocorreram no nosso pequeno mundo.

  • A casa suja: Casa suja, chão sujo.
  • O rato real: O Rato roeu a rica roupa do rei de Roma! A rainha raivosa rasgou o resto e depois resolveu remendar!
  • O trio tigres e pratos de trigo: Trazei três pratos de trigo para três tigres tristes comerem.
  • Os mafagafos: Num ninho de mafagafos, cinco mafagafinhos há! Quem os desmafagafizá-los, um bom desmafagafizador será.
  • O caso da aranha que arranha a rã: A aranha arranha a rã. A rã arranha a aranha. Nem a aranha arranha a rã. Nem a rã arranha a aranha.
  • Limão: Um limão, mil limões, um milhão de limões.
  • Percebeu ou não percebeu?: Se percebeste, percebeste. Se não percebeste, faz que percebeste para que eu perceba que tu percebeste. Percebeste?
  • A pergunta do tempo: O tempo perguntou ao tempo quanto tempo o tempo tem, o tempo respondeu ao tempo que o tempo tem o tempo que o tempo tem.
  • A pergunta do doce:O doce perguntou pro doce qual é o doce mais doce que o doce de batata-doce. O doce respondeu pro doce que o doce mais doce que o doce de batata-doce é o doce de doce de batata-doce.
  • Cacá e o caqui: O que é que Cacá quer? Cacá quer caqui. Qual caqui que Cacá quer? Cacá quer qualquer caqui.
  • Pedro: Se o Pedro é preto, o peito do Pedro é preto e o peito do pé do Pedro também é preto.
você depois de ter lido este artigo. (ou não)
  • Otorrinolaringologista: Não confunda ornitorrinco com otorrinolaringologista, ornitorrinco com ornitologista, ornitologista com otorrinolaringologista, porque ornitorrinco, é ornitorrinco, ornitologista, é ornitologista, e otorrinolaringologista é otorrinolaringologista.
  • A conclusão: Concluímos que chegamos à conclusão que não concluímos nada. Por isso, conclui-se que a conclusão será concluída, quando todas tiverem concluído que já é tempo de concluir uma conclusão.
  • O bispo de Constantinopla: O bispo de Constantinopla, é um bom desconstantinopolitanizador. Quem o desconstantinopolitanizar, um bom desconstantinopolitanizador será.
  • A pia o pinto e o pingo: A pia perto do pinto, o pinto perto da pia. Quanto mais a pia pinga mais o pinto pia. A pia pinga, o pinto pia. Pinga a pia, pia o pinto. O pinto perto da pia, a pia perto do pinto.
  • Paralelepípedo: Disseram que na minha rua tem paralelepípedo feito de paralelogramos. Seis paralelogramos tem um paralelepípedo. Mil paralelepípedos tem uma paralelepipedovia. Uma paralelepipedovia tem mil paralelogramos. Então uma paralelepipedovia é uma paralelogramolândia?