Tritsch-Tratsch-Polka

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Tritsch-Tratsch-Polka Op. 214 é uma polca (não confundir com "pouca"), óbvio, do compositor de musica erudita, por mais que a maioria delas sejam valsas, austríaco Johann Strauss II. Ela é uma polca, música erudita realmente bem conhecida pelo Mundo a fora, por mais que mais da metade dessas pessoas só a conhece por conta de desenhos animados, como Tom e Jerry, ou Pica-Pau... Já a outra metade a conhece pois ela já apareceu como música de fundo em algum comercial da TV, ou não...

História[editar]

Google define essa música como rock e infantil... (Clique na imagem para ampliar-la)

Ela foi composta no ano de 1858, pelo austríaco Johann Strauss II (há vá, quem mais seria?). Segundo alguns estudiosos Johann Strauss II compôs essa música no século 19, mas como isso já foi dito, e é bem óbvio, podemos ignorar com sucesso essa (des)informação. Ela teria sido composta na Rússia, antes da mesma se transformar em URSS, mas porque na Rússia? Ninguém sabe o porquê, mas o importante, ou não, é que ela foi escrita na Rússia, por mais que isso nem seja importante, até porque depois de uns dias ele voltou para Viena.

Até hoje não se sabe o motivo por detrás do título da música, que segundo alguns significa "Bisbilhotice", já outros apostam que ela significa "Patinho de borracha", e ainda existem outros que acham que "Tritsch-Tratsch" significa "Tritsch-Tratsch", melhor não darmos atenção à elas... Ainda tem a teoria que ela faz referência ao amor vienense, antes de Hitler unir-la à Alemanha, e assim se cessaria o amor, principalmente com os judeus. Mas, porque o título "Bisbilhotice" teria haver com amor? Foi o que Le Penseur refletia, e até hoje ele o faz, e você pode vê-lo fazendo isso no museu da França...

Sobre[editar]

Ela não é a mais famosa composição de Johann Strauss II, porém não é possível negar que seja famosa. Contudo, quando imaginamos uma obra famosa, pensamos em algo grande, algo sempiterno (esse termo não foi pesquisado no Google para deixar esse artigo mais fino), porém, essa obra é ligeiramente curta, uns três ou quatro minutos de duração, além de ser bastante repetitiva, e principalmente monótona. Isso porque a mesma melodia se repete umas mil vezes, tornando-a praticamente chata de se ouvir, por isso mesmo se gosta dela escute-a ao menos uma vez por mês, ou se não ela vai se tornar super mega chata, para você.

Não só isso, porém ela é facilmente classificável como uma música alegre e feliz, por mais que o Google ache que ela seja do gênero rock da vida...