Virilha

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa


O que é virilha?[editar]

De acordo com os principais dicionários da língua portuguesa a virilha corresponde a parte anatômica correspondente à região de junção da coxa com o ventre, podemos dizer que, no universo masculino a existência dessa parte é fundamental para o desenvolvimento socio-cultural-sexual da humanidade.

Sem virilha não seríamos o que somos, basta observarmos que 98% dos homens dão uma coçada na virilha nas primeiras horas da manhã e assim prossegue durante o dia. Obviamente o 2% que falta são sãopaulinos e acham horrível e deprimente essa prática nitidamente masculina que nos remete a era dos homens das cavernas.

Ao contrário dos homens as mulheres são pouco flagradas coçando a virilha, estas são mais, ou melhores, observadas, quando há a possibilidade real do coito.

Virilhas femininas em geral, são extremamente agradáveis ao público masculino (há notáveis exceções, como no caso de Cláudia Ohana), porém, essa sensação é inversamente proporcional quando se trata de virilhas masculinas, a não ser é claro se o indivíduo em questão for Sãopaulino(a), Tricolete ou o Clóvis Bornay.

Esse altigo é um esboço né?
Este esboço é tão pequeno quanto o produto de um japonês. Faça-o crescer.

PS: Varilha também pode significar o conjunto dos orgãos sexuais masculinos "picha" "pila" "pilinha" "tomates" "culhões" onde depositam espermatozoides. Geralmente as raparigas esfregam a virilha também como acto de se satisfazerem, embora não o digam por vergonha ao parceiro/amigas.