Xavante (Avião)

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Xavante é o fruto de uma parceria da Embraer com a Chuck Norris Aviation, a empresa criada por um Ranger do Texas que participou de vários filmes de ação do nível dos do Steven Seagal.

Projeto[editar]

A Chuck Norris Aviation tem como único projeto concretizado o F-Bryan, que apenas as forças aéreas do Brasil e o museu da própria companhia compraram. A FAB apenas não declarou a posse de algumas unidades do avião para não aumentar o valor do imposto de renda que teria de pagar ao Governo Federal.

Xavantes fazendo mandinga para o Xavante voar

Caracteristicas[editar]

O Xavante X-01 é um versão melhorada do F-Bryan, agora com motor de módulo contínuo (que dispensa o uso de qualquer combustível e gera energia sozinho), têm assentos para dois pilotos e dois passageiros, e espaço interno para bagagem de 510 litros, similar ao Renault Logan e Clio Sedan.

Também terá empuxo vetorado, como o Sea Harrier, será embarcável em portas-aviões, terá a capacidade de travar mais ou menos 5.000 alvos ao mesmo tempo (mais ou menos o número total de aeronaves da USAF) e carregará igualmente 5.000 mísseis de várias espécies, para serem usados contra todos os alvos ao mesmo tempo. Terá um canhão e uma televisão interna de 42 polegadas cada um, mas sua principal característica é a capacidade Stealth (ou invisível).

Esta nova geração foi elaborada com base no roubo de um projeto da DC Comics, que criou também o Super-Homem e a Mulher Maravilha, e será invisível a olho nu - um conceito que já apareceu nos desenhos da mesma editora de quadrinhos.

O primeiro voo já foi realizado, e o piloto levava atrás uma vaca para demonstrar o espaço que o cockpit tem (houve relatos na Polícia Federal de algumas pessoas que viram a Super-Vaca perseguindo o Super-Vilão-Verde-Mascarado-De-Óculos-Escuros, algo que se atribuiu a este primeiro teste do Xavante-x01), e alguns ajustes após o primeiro teste levaram à criação de mais um protótipo, que embora mantenha as mesmas dimensões do primeiro Xavante-X01, pode ser completamente dobrado e guardado no bolso, característica preparada para o mercado japonês - está dentro da concorrência criada pelos nipônicos para substituir alguns de seus aparelhos e concorrerá com o F-22 Raptor e o projeto similar a este que a Mitsubishi está criando. Para o Japão, será nomeado Xavante-X01P (a nova classe de caças criada, a versão Pocket).