Yu-Gi-Oh Duel Monsters 4: Battle of the Powerful Duelists

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Virtualgame.jpg Yu-Gi-Oh Duel Monsters 4: Battle of the Powerful Duelists é um jogo virtual (game).

Enquanto você lê, Shao Khan está comandando outworld.


Yu-Gi-Oh Duel Monsters 4: Battle of the Powerful Duelists
Yu-Gi-Oh! Duel Monsters IV- Yugi Deck.jpg

Classificação: E

Informações
Desenvolvedor Konami
Publicador Konami
Ano 2000
Gênero Baralho com personagens de anime e monstros toscos
Plataformas Game Boy Color
Avaliação Eu daria uns 3
Idade para jogar Independente da sua idade, não recomendo que você jogue.

Cquote1.png Você quis dizer: Yu-Gi-Oh! Forbidden Memories demake Cquote2.png
Google sobre Yu-Gi-Oh Duel Monsters 4: Battle of the Powerful Duelists

Cquote1.png ^^* Cquote2.png
Otaku sobre Yu-Gi-Oh Duel Monsters 4: Battle of the Powerful Duelists

Yu-Gi-Oh Duel Monsters 4: Battle of the Powerful Duelists ou como também é conhecido no japão como 遊戯王デュエルモンスターズ4 最強決闘者戦記バトル オブ グレイト デュエリスト (na tradução livre: Yu-Gi-Oh Duel Monsters 4: Baka Desu Ne) é um jogo da franquia Yu-Gi-Oh! para o console com nome de site pornô gay e é um jogo que você só jogará se você for um otaku virgem hardcore. Assim como Pokémon, a Konami decidiu fazer uma putaria de lançar mais de uma versão do jogo. Você poderia escolher entre a versão com deck do Yugi, o deck do Vegeta com com corte de cabelo tigelinha ou o deck do Joey (que convenhamos, ninguém escolhe essa última opção).

Elementos do jogo[editar]

É, eu sei. Você também entendeu tudo.

Enredo[editar]

Começamos bem, pois o jogo não tem enredo. Os roteiras estavam ocupados escrevendo enredo para um jogo que realmente presta, Yu-Gi-Oh! Forbidden Memories. Você é jogado no universo do jogo como Yugi, Kaiba ou Joey e tem vencer cinco duelistas para avançar para a próxima fase. Tipo um Mega Man, só que bem mais chato. Depois de cada vitória, a Téa te dá uma carta que teoricamente é para te ajudar a continuar vencendo, mas essa vadia provavelmente só vai te presentear com Kuribohs e você acabará com trinta Kuribohs no seu deck. Se você tiver sangue asiático e conseguir zerar o jogo, você ganha uma Carta Deus: Slifer, o Dragão Celeste (favoritos dos evangélicos), Obelisco, o Atormentador ou O Dragão Alado de Rá (que apesar de ser chamado de dragão é só um canário belga de metal)

Gráficos[editar]

Os gráficos são quase tão ruins quantos os de Pokémon Red. Assim como os roteiristas estavam trabalhando em Yu-Gi-Oh! Forbidden Memories, os artistas de verdade estavam trabalhando na arte de Castlevania. Os caras da programação tiveram que se virar com o MSpaint

Trilha Sonora[editar]

Surpreendentemente, a trilha sonora era ótima. Tanto que, por preguiça, eles usaram a mesma trilha em Yu-Gi-Oh! Forbidden Memories, para ficar mais barato.

Dificuldade[editar]

Inicialmente o jogo é fácil. Provavelmente, você consiguirá passar das duas primeiras fases. Mas na terceira fase você tem que enfrentar o Maximillion Pegasus. E o nível de dificuldade sobe para mediano asiático. Ou seja ele vai comer o seu brioco ocidental sem dó.

Jogabilidade[editar]

A jogabilidade é simples e boa. Infelizmente minha ideias para piadas acabaram e não tem nada para criticar.

Personagens presentes no jogo[editar]

Porra do que adianta ter um "NO" gigante na tela se o resto do texto está todo em japonês?!
  • Ryota Kajiki: É um pescador que tem fetiche por peixes, adora montar neles. Ele também gosta muito de usar gel de cabelo, assim como Yugi.
  • Espa Roba: Não me pergunte quem é esse cara. Só sei que ele parece o Príncipe Adam com cabelo verde.
  • Rex Raptor: Um idiota que usa seu nome de usuário em MMOs como nome próprio na vida real. Viciado em dinossauros, à ponto de querer ser um e se vestir como um.
  • Weevil Underwood: Um idiota assim como Rex Raptor só que invés de gostar de dinossauros ele gosta de insetos.
  • Shimon Muran: É o avô do Yugi fazendo um cosplay muito errado de faraó.
  • Seeker: É só um cara estranho e feio como um cachorro chupando manga que apareceu em 2 episódios do anime.
  • Pandora: Não tem nada a ver com a Pandora da mitologia da grega, só um fracassado de rosto deformado que gosta de magos quase tanto o Yugi.
  • Strings: Um punk viciado em crack. Esse personagem ficou mais perdido que cego em tiroteio no jogo.
  • Ishizu Ishtar: A irmã gostosa do Marik.
  • Maximillion Pegasus: Apesar de ser um gênio dos duelos, ele tem idade mental de 5 anos e tem obcecado pelo Pernalonga negão.
  • Mai Valentine: A peguete do Joey que curte harpias e bondage.
  • Bandit Keith: É um bandido chamado Keith.
  • Yami Yugi: É o Yugi grande e heterosexual.
  • Yami Bakura: Menino que parece uma menina e sofre de multiplas personalidades.
  • Marik Ishtar: Versão morena do Bakura e considerado o "chefão" do jogo.

Recepção[editar]

Apesar do jogo nunca ter sido comercializado fora do japão, ele vendeu bem. Afinal o Japão com o maior número de fracassados que vivem no porão da mãe e não veem o sol à anos otakus hardcore. Todas as cópias foram vendidas, exceto a versão do Joey, que ficou encalhada como a sua irmã e foi enterrada em um lixão junto com as cópias do maravilhoso jogo do E.T..