Hanafuda

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Hanafuda (花札) é um baralho de truco japonês inventado no início do Período Azuchi-Momoyama, cujo o objetivo era de entreter os japoneses, visto que nesse período ainda não tinham sido fabricados garrafas de saquê em larga escala. O nome traduzido porcamente é "cartas de flores" e tem 48 cartas no total.

História[editar]

Precedentes[editar]

Roupa remendada com cartas de hanafuda, veja como dura.

Lá em meados do século XVI, o Império Português enquanto estava viajando de colônia a colônia, matando tudo o que se mexia e dominando metade do mundo. Embora fosse muito divertido causar o genocídio de tribos que não aceitavam Jesus e ainda comiam churrasco de capivara, viajar demorava uma eternidade, então os conquistadores bigodudos jogavam truco para passar o tempo. Tanto espanhóis quanto portugueses transformaram o truco, de uma mera cultura local de gente acabada e derrotada, a uma tendência internacional, indo para os mais diversos lugares do mundo, inclusive o Japão.

Cartas de hanafuda.

No início, eles apenas faziam truques com as cartas para extorquir dinheiro dos mais abastados e idiotas das capitais japonesas, até que o bagulho começou a vingar e o nome dado foi karuta (carta). Todavia, os japoneses não entendiam os significados hediondos das cartas: bastões, espadas, bundas de cabeça pra baixo...

Tudo isso era muito arcaico à cabeça e compreensão do oriente, aliás, pré-histórico, por conta disso, veio a ideia de se fazer desenhos com significados regionais. Inicialmente, esses desenhos pareciam pinturas rupestres, porém mais sofisticadas que um losango ou um bilau de 3 cabeças, mas depois viraram barbáries morféticas sem sentido. Essa modificação (a regional, não a morfética) foi chamada de yomi karuta, em homenagem a puta favorita do imperador Higashiyama, que se chamava Tony Yomi, já no Período Edo.

Em torno dos anos de 1765 a 1780, um jogo chamado Mekuri se tornou tão popular que o Yomi Karuta foi rebatizado como Mekuri Karuta. O Mekuri era um jogo de pescar cartas para velhos, enquanto o Yomi estava em alta com os jovens. Pensando nessa divisão, uma empresa "nada corrupta" juntou os nomes dos jogos para ganhar ainda mais demanda, e por incrível que pareça, conseguiram. Embora tudo isso tenha ocorrido e todos viveram felizes para sempre, pelo menos por hora, sabe-se que em 1791, o jogo foi proibido na era Kansei, por razões óbvias.

História moderna[editar]

Hanafuda moderno.

No início do século XIX, nasceu o chamado Hana Awase, que era um outro tipo de jogo nos moldes de Mekuri Karuta. Apesar de também ser proibido, não foi impedido de inventar muitos outros baralhos do tipo, como o Kabufuda, que tinha um nome horroroso design que remetia ao Cramunhão. Eventualmente, o hanafuda acabou passando no exame de óbito do SUS, mas como o resultado deu negativo e a papelada foi esquecida, ele ficou visto como um jogo de baralho qualquer, livre da prisão.

Yakuzeiros jogando hanafuda.

Fusajiro Yamauchi jogava hanafuda desde os 8 anos de idade, quando teve dinheiro para comprar seu próprio apartamento. Antes que você, leitor, possa dizer Cquote1.png Caguei Cquote2.png ou Cquote1.png E o Quico? Cquote2.png, em 1889, ele fundou a Nintendo para vender seus baralhos de hanafuda feitos a mão e trazer orgulho e honra para sua honolável família.

Em uma tarde comum de 1898, sua loja quase foi por água abaixo depois de passar por um tsunami, um terremoto de 9,8 graus Richter e uma luta entre uma mariposa e um velociraptor gigantes que cuspiam fogo, a mesma tarde em que um membro da Yakuza apareceu para comprar um baralho. Naquela época, a organização era muito viciada em hanafuda, jogando principalmente em salas de depravação e clubes do porre, o que fez o jogo ganhar popularidade no Japão novamente, mesmo que na marra.

Após décadas cagando e andando para o hanafuda, a Nintendo tentou reconciliar com seu passado ancião, fazendo uns merchan de baralhos com suas franquias, como Mario e Pokémon, além de fazer um hanafuda da Disney. Em 2006, pela primeira vez, o jogo foi lançado num console, sob o nome de Clubhouse Games, para Nintendo DS, que teve uma sequencia de 2020 para o Switch: Clubhouse Games: 51 Worldwide Classics.

O baralho[editar]

Muitos tanzakus.

Assim como um baralho comum que tem símbolos medievais, o hanafuda tem a temática dos 12 meses do ano, com animais, flores e objetos. Cada mês do ano é representado por 4 cartas: a primeira é a mais basicona e vazia de todas, a segunda é quase uma cópia da primeira, com uma mudança pífia aqui ou ali, já a terceira é representada com um papelzinho colorido, e a última trás a bicharada às cartas, com representações de pássaros, bichos gordos e seres humanos.

No total existem quatro classificações de pontos:

  • 1 ponto - Cartas meia boca que não valem nada, a maioria tem um raminho de flores murchas e outras que só tem absolutamente nada. Existem 24 cartas.
  • 5 pontos - São cartas que tem o laço tanzaku (短冊). 7 delas são da cor vermelha, que significa paixão (sedenta por uma transa) e 3 são da cor roxa, que é a mistura entre a paixão e o céu.
  • 10 pontos - Existem 10 cartas dessas, representadas, em sua maioria, por animais que são bolas de penas, e em minoria, por objetos aleatórios, como um copo de saquê.
  • 20 pontos - Por último, existem 5 cartas que valem a bolada de 20 pontos, nelas estão os símbolos mais WTF de todo o baralho.


Hanafuda de Napoleão Bonaparte. Até hoje essa versão é vendida na França.
Mês Flor Cartas Imagem
Janeiro Matsu (松, pinheiro) Dois pinheiros (1 ponto cada), uma fita da paixão (5 pontos), e uma garça tentando peidar junto com sol (20 pontos). 01 4@2x.jpg 01 3@2x.jpg 01 2@2x.jpg 01 1@2x.jpg
Fevereiro Ume (梅, flor de ameixa) Duas flores (1 ponto cada), uma fita da menstruação (5 pontos), e um passarinho brasileiro (10 pontos). 02 4@2x.jpg 02 3@2x.jpg 02 2@2x.jpg 02 1@2x.jpg
Março Sakura (桜, flor de cerejeira) Duas flores (1 ponto cada), uma fita da paixão ao contrário (5 pontos), e uma cortina feia (20 pontos). 03 4@2x.jpg 03 3@2x.jpg 03 2@2x.jpg 03 1@2x.jpg
Abril Fuji (藤, wisteria) Duas trepadeiras (1 ponto cada), uma fita da paixão (5 pontos), um cuco roubando a fita da paixão (10 pontos). 04 4@2x.jpg 04 3@2x.jpg 04 2@2x.jpg 04 1@2x.jpg
Maio Ayame (菖蒲, íris) Duas flores (1 ponto cada), uma fita da cor de burro quando foge (5 pontos), uma ponte aos pedaços (10 pontos). 05 4@2x.jpg 05 3@2x.jpg 05 2@2x.jpg 05 1@2x.jpg
Junho Botan (牡丹, peônia) Duas flores (1 ponto cada), uma fita roxa ao contrário (5 pontos), duas borboletas se pegando (10 pontos). 06 4@2x.jpg 06 3@2x.jpg 06 2@2x.jpg 06 1@2x.jpg
Julho Hagi (萩, lespedeza) Dois raminhos de folhas qualquer (1 ponto cada), uma fita da paixão (5 pontos), um javali de Chernobyl morto (10 pontos). 07 4@2x.jpg 07 3@2x.jpg 07 2@2x.jpg 07 1@2x.jpg
Agosto Susuki (薄, grama Susuki) Duas planícies (1 ponto cada), três gansos voando (10 pontos), a lua sangrenta (20 pontos). 08 4@2x.jpg 08 3@2x.jpg 08 2@2x.jpg 08 1@2x.jpg
Setembro Kiku (菊, crisântemo) Dois perucas da Emília (1 ponto cada), uma fita roxa ao contrário (5 pontos), um penico vermelho (20 pontos). 09 4@2x.jpg 09 3@2x.jpg 09 2@2x.jpg 09 1@2x.jpg
Outubro Momiji (紅葉, bordo) Dois montes de folhas de outono (1 ponto cada), uma fita roxa certa desta vez (5 pontos), um viadinho comendo folhas de bordo (10 pontos). 10 4@2x.jpg 10 3@2x.jpg 10 2@2x.jpg 10 1@2x.jpg
Novembro Yanagi (柳, salgueira) Uma tempestade de raios ou qualquer outra coisa que esteja rolando ali (1 ponto), uma fita vermelha (5 pontos), uma andorinha (10 pontos), e uma gueixa junto com um sapo dourado (20 pontos). 11 4@2x.jpg 11 3@2x.jpg 11 2@2x.jpg 11 1@2x.jpg
Dezembro Kiri (桐, paulownia) 3 samambaias (1 ponto cada), uma galinha chocha enjoada da vida (20 pontos). 12 4@2x.jpg 12 3@2x.jpg 12 2@2x.jpg 12 1@2x.jpg

Jogos[editar]

O único jogo conhecido que se joga com o baralho de hanafuda é o Koi-Koi, e como essa é uma invenção arcaica japonesa, pouquíssimos conseguirão entender suas regras, por isso, é compreensível que os ocidentais não vejam nenhuma lógica ou explicação nesse treco, uma vez que o hanafuda precisa da loucura japonesa para funcionar. É fato que o jogo exige que se faça um telecurso de pelo menos 1 mês.