Murphy Pendleton

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Cquote1.png BORN FREE, AS FREE AS THE WIND BLOWS Cquote2.png
Radinho tocando aleatoriamente
Cquote1.png Poor little guy... Cquote2.png
Murphy libertando o pássaro
Cquote1.png SHIIIIIIIT!!! Cquote2.png
Murphy passando na corda bamba enquanto ocorria um terremoto
Cquote1.png Hora de tomar banho, Cupcake Cquote2.png
Sewell chamando Murphy pra uma cilada
Cquote1.png Murphy...RUN! Cquote2.png
Frank Avisando que é um cilada

Murphy Face.JPEG

Murphy Pendleton (A.k.a Cupcake) é o protagonista do jogo Montanha Silenciosa:Baixopour. Ele é um presidiário de cabelo de tigela e com um corte que nunca cicatriza no rosto ( Ué, porque ele não usa cicatricure?)

Vida[editar]

Cupcake Murphy quando era criança morava em um orfanato gerenciado por freiras sinistras que tratavam ele e as outras crianças com muito carinho, e faziam ele trabalhar em Shows no teatro. Quando Murphy cresceu e foi expulso saiu do orfanato, ele se afogou no mundo das criminalidade, e das dorgas. Consequentemente, enquanto roubava carros e atropelava prostitutas ele deu de cara com uma puta tão feia, MAS TÃO FEIA, que chamou a sua atenção, essa era Carol Pendleton. Depois de muito rala e rola, eis que nosso moço Murphy se apaixona por essa vadia, se casa, e tem um filho que foi denominado Cupcake jr. João Arisvaldo Marcos Antonio Pinto Coelho da Serra Pinto Charlie Pendleton.

A tragédia[editar]

Como ótimos, maravilhosos, e perfeitos pais, os Pendletons deixavam seu filho de seis anos ir e voltar da escola sozinho ( talvez seja só coisa de brasileiro mesmo essa phobia de morrer assasinado ). Em um lindo dia ensolarado, Charlie Pendleton voltara de sua adorável escola, quando por infelicidade, Patrick Estrela Napier, um seguidor fiel da filosofia de Michael Jackson, Convidou o pirralho pra entrar na sua van.

Cquote1.png Hey garoto... tá afim de cheirar umas boa? Cquote2.png
Napier atraindo a pobre e inocente criança

E assim foi, quando cupcake percebeu, os puliça já tavam tirando a noiva o cadáver do rio.

Como ele se comportou[editar]

A dama Carol ao invés de olhar para o seu próprio rabo, logo culpou o Murphy e se separou dele. Já Murphy... Murphy como é um bom moço de boa indole e com a cabeça no lugar, enlouqueceu com a morte de seu filho e começou com a prática de venda de gatinhos para que os puliça prendessem ele propositalmente. No início não funcionou, desde que os policais se amarravam nums gatinhos, mas logo Murphy voltou á roubar carros, e assim ser preso para vingar a morte de seu filho.

Na prisão[editar]

Murphy foi para a prisão de carandiru, onde lá haviam só três policiais para 1.987.234 detentos. Eles eram Frank Coleridge, Sua filha Anne Cunningham, e por fim George Sewell ( Em português: George Cano de Esgoto) O último citado, muitos fãns acham que é importado do BraZil, desde que ele é a banda podre da merda toda. Sr. Cano de Esgoto sabia do ódio de Murphy pelo amigo do Bob Esponja, e logo fez um trato. 'Se eu marcar um encontro entre vocês dois. Você também terá um encontro comigo... Cupcake' O resto da história... bem... o resto da história é só bacon mesmo.

Ônibus da felicidade[editar]

De repente ele acorda de seu sono de beleza, Cano de esgoto acordou ele batendo nas grades com seu porrete tamanho família. Estava na hora de ser transferido para o Acre. Murphy, um branquelo, um negro (Racismo!!!), e um mexicano (Ay caramba!) entram no ônibus. Não muito tempo depois, o onibus anda por uma clássica estrada escura debaixo da tempestade, um dos detentos diz pra outro como o sapato dele não combina com o uniforme, e começam uma briga de macho, distraindo então o motorista ( Que na verdade tava olhando pra bunda da policial ). Consequentemente o veículo capota até cair no rio tietê nas proximidades de Silent Hill.

Em Silent Hill[editar]

Murphy logo acha um caminho até um lugar chamado 'covil do capiroto' onde ele encontra um loko, bebum, e suicida, que o mostra um caminho até a cidade: o trenzinho da felicidade. Murphy entra no trem, passa mó dorgas, e finalmente chega até a maldita montanha silenciosa.

Assim como os vagabundos que vandalizam os artigos da Desciclopedia, Murphy entrava nos cantos e desarrumava tudo o que encontrava pela frente... até hoje não se sabe o porque de tal ato. Dorgas vão, dorgas vem, Murphy as vezes encontra um maldito rádio de pilha, cujo sempre falava com ele quando ligado, dizendo que ele deveria seguir até a estação de rádio que estavam o aguardando com uma grande surpresa... Chegando na estação de rádio eis que ele encontra um nigger (Racismo!!11!!!) chamado Bobby Ricks, que diz que ele tem uma chave de um barco que poderia leva-lo para longe da cidade, de repente aquela policial chega, e briga mais uma vez com o Muffin,mas não por muito tempo. A ótima energia elétrica do Acre falhou mais uma vez, e quando ela volta os dois já aviam sido levados pelo capiroto, deixando apenas nosso Murphy sozinho. Aliviado por ter se livrado dos malas, ele sai da estação de rádio e dá de cara com o carteiro sinistro da cidade, cujo de sua bolsa tira uma carta enviada por uma freira tarada querendo o seu corpo nú. Murphy não entende o que acontece nessa cidade, ele fala palavrões a cada 5 minutos, mas mesmo assim resolve ir até o orfanato Srta. Maria Monastery, que é um hospital/escola/orfanato para ex-cheiradores de gatinhos.

Devido a falta de hospitais públicos para a Nintendo Konami incerir as suas doses de terror, eles usaram esse orfanato para substituir, tanto que é a fase mais chata do jogo inteiro.

Depois de bater nas bonecas vadias, enfiar a mão nas tripas de um screamer, atuar novamente no teatro, Recitar o poema do bicho-papão, perseguir a menininha, levar martelada do Bogeyman (ui!), dá martelada no Bogeyman (UI!), e falar com o espírito do seu filho João Arisvaldo Marcos Antonio Pinto Coelho da Serra Pinto Charlie. Murphy finalmente conseguiu obter a chave do barco.

Ele finalmente podia ir até o barco e sair de Silent Hill...

Quando de repente anne Cunningham aparece du nadaCquote1.png Não contavam com minha astucia!!! Cquote2.png
Chapolin Colorado Anne apontando a arma para Murphy

Anne Cunningham afirmava que o capiroto disse pra ela que eles não deveriam sair da cidade, e como qualquer pessoa em sã consciencia, Murphy começa a xingar aquela vadia de vadia ( e acaba levando um tiro)

Preso de novo[editar]

Após o tiro bacana, Murphy Pendleton acorda na prisão de Silent Hill, dessa vez com um uniforme chik! Ele olha para fora da cela, e vê o único sobrevivente de um ataque do Chuck Norris, que foi embora em sua cadeira de rodas depois de ficar encarando o Murphy. Murphy então saiu da cela atrás do WheelChair man ao lembrar que ele devia dinheiro, e no caminho atrás do seu devedor, ele encontra um papel flutuante por causas das forças divinas, ele pega o papel e lá dizia que era pra ele se encontrar com alguém no chuveiro (ui!). chegando lá não tinha ninguém (Que pena.) apenas um presunto sadia, e como um favelado pobre de alta qualidade, Murphy tentou pegar pra cumer, mas subitamente o capiroto começou a perseguir-lo também pra comer ( e não era o presunto) Depois de conseguir escapar das forças maléficas de Satanás , Murphy se encontra em mais um banheiro, cujo tem uma balança de pesagem de presunto Sadia. Após a pesagem do presunto, Sr. Pendleton tenta ir embora lanchar, mas foi impedido pelo WheelChair man (Que estranhamente era o dono do presunto e tava gigante), depois de muitos paranaues, Murphy conseguiu driblar o cobrador. Mas é claro, isso tudo só podia ser um sonho, já que o presunto Sadia é coisa da elite, então ele acorda e encontra aquela vadia louca que tanto o perseguia, ela apontava a arma para ele exigindo o presunto, e sem por onde correr Murphy não tinha outra escolha a não ser entregar.

Destino[editar]

Você sABIA???!!?? Dependendo se ele foi um bom moço ou não, essa história pode ter um final feliz Ou não

Se Murphy não tiver Cheirado algum gatinho, ou ter dado banho no macaco direito, ele pode ter a chance de ganhar o presunto.

Mas se ele tiver desobedecido os pais, ele não irá ganhar presente do bom velinho.

Conclusão[editar]

Concluímos que ninguém perdoa o cú do sr. Muphy Pendleton.

v d e h
Silent Hill logo.png
Este artigo é um esboço.
Pare de escutar CPM 22 e ajude este pobre artigo.