Phantom Brave

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
Wikify.png Por favor, alguém arrume este pobre artigo segundo as diretrizes estabelecidas no livro de estilo antes que alguém infarte lendo esse artigo mal formatado...
AVISO: NÃO REMOVA ISSO ANTES DE TER CERTEZA ABSOLUTA QUE O ARTIGO JÁ FOI COMPLETAMENTE "WIKIFICADO", SENÃO VOCÊ PODERÁ SOFRER AS CONSEQUÊNCIAS!
Dica: não sabe como wikificar um artigo? Então leia AGORA o nosso tutorial de wikificação! Ou peça ajuda para os usuários mais experientes...
Virtualgame.jpg Phantom Brave é um jogo virtual (game).

Enquanto você lê, alguns zumbis infestam cidades de novo.


Fantasma Bravo
Phantom Brave DP cover.png

Um espadachim genérico de cabelo azul e sua miguxa

Informações
Desenvolvedor Nippon Ichi Software
Publicador NIS America
Ano 2003 + 1
Gênero Clone do Disgaea RPG Tático
Plataformas Polystation 2, Uíí, PQP, PC da Xuxa
Avaliação $$$
Idade para jogar (in)Mature

Cquote1.svg Plágio. Cquote2.svg
Jogador de Makai Kingdom sobre Phantom Brave

Cquote1.svg Um bom jogo. Cquote2.svg
Pedo bear sobre Phantom Brave


Phantom Brave é um jogo de RPG tático (não é a bazuca) de turno alá Disgaea (só que com fantasmas), feito pela Nippon Ichi Software para pessoas viciadas no gênero, lançado para PS2, PSP, Wii e PC.

Jogabilidade[editar]

Cada personagem tem seu turno. Você pode ver o turno inimigo pela porra no lado da tela. Somente é possível chamar um personagem aliado confinando a alma dele em um objeto (porque eles são fantasmas). No seu turno você vai ver um círculo vermelho, isso é o limite de movimento seu, você pode se mover em todas as direções, o que na maioria das vezes dá merda porque os personagens são idiotas e escorregam toda hora, tentam voltar atrás e não conseguem, pois eles já passaram da MERDA do limite.

Enredo[editar]

Castile e Marona brincam com temáticas

Uma garota de 13 anos órfã chamada Marona que vê fantasmas e conversa com fantasmas (sem uso de drogas) que trabalha com um fantasma, distribuindo porrada por dinheiro, mora em uma ilha deserta no meio do nada com fantasmas, e recebe ofertas de empregos por via garrafa de cerveja com perna pelo mar. Grande parte do jogo você vai ver os bichos que mataram o Ash, o fantasma amigo de Marona (umas criaturas com forma de sêmens com dentes e um bichos gigantes).

Capítulos importantes (porque ou são encheção de linguiça ou são irrelevantes)[editar]

No capítulo 8, Marona e Ash vão atrás de um pássaro místico para poderem comprar a ilha que eles moram (e não pagar aluguel). A melhor parte é que você pode arrebentar uns mercenários lokos que também querem o pássaro e humilhá-los.

Lá pelo capítulo 12, Marona conhece um velho com 85 anos que come as criaturas que mataram o Ash para absorver o poder negro deles, e por pouco você não precisa enfrentar ele.

Personagens[editar]

Cuidado:As aparências enganam!
  • Marona - Uma menina loli com poderes de falar com fantasma e confinados em objetos.
  • Ash Ketchup - O fantasma companheiro de Marona.
    Ash feliz ao ver Marona e Castile "brincando"
  • Castile - Uma garota cadeirante. É a melhor amiga de Marona.
  • Carona - Versão hentai e maligna de Marona.
  • Raphael - Um cara com cara de viado porém forte pra porra.
  • Walnut - O irmão adotivo de Castile, que fugiu de casa para mendigar e roubar recompensas.
  • Bijou - Um lobisomem que sai por aí falando que é o Raphael, porque é idiota.
  • Sprout - Um velho de 85 anos que come eletricidade preta.